Escola Digital, o futuro da educação em Nova Lima

O Projeto Escola Digital

brasao-pm-nova-lima-01A Secretaria Municipal de Educação de Nova Lima tem desenhado suas políticas públicas de modo consistente para todas as etapas e modalidades da Educação Básica, a partir de projetos estruturantes, que possibilitam ações articuladas entre si, com o objetivo de potencializar o aspecto curricular e alinhar com temas transversais e características da comunidade escolar. Estas ações passam necessariamente pela dimensão da aprendizagem eficiente e eficaz dos múltiplos recursos de aprendizagem, e pela formação de usuários proficientes de tecnologias, com competência para ler e interpretar o mundo globalizado e interconectado e suas exigências sociais.

Baseado nesses princípios, a Secretaria de Educação, seguindo as diretrizes da Prefeitura Municipal desenhou o Projeto Escola Digital, com o objetivo de implementar acesso às tecnologias digitais e tecnologias da informação, capazes de ampliar os conhecimentos em todas as áreas do saber e propiciar a formação cidadã da nova geração de crianças do município.

Neste sentido, o projeto alinha-se aos anseios institucionais e de toda a comunidade escolar, na perspectiva de inserir o Município de Nova Lima no compartilhamento do conhecimento global, expresso na forma das novas tecnologias, de programas livres, de conteúdos que podem ser apropriados por todos os cidadãos e do desenvolvimento colaborativo no sentido de estreitar a cooperação e o auxílio necessários para que a tecnologia se torne, cada vez mais, um fator de inclusão social.

 

nova-lima-set-2013-05

 

Em Nova Lima, o Projeto Escola Digital explicita os princípios que deverão orientar pedagogicamente o uso do laptop educacional no processo de construção do conhecimento pelo estudante e na mediação desse processo na escola pública, destacando-se:

  • aprendizagem em rede;
  • utilização para além dos espaços escolares;
  • inclusão digital da comunidade escolar;
  • apropriação crítica de informações para construção de saberes;
  • autonomia e autoria dos sujeitos da aprendizagem;
  • construção individual e coletiva do conhecimento;
  • respeito à diversidade;
  • interatividade e interação.

Estes fundamentos servem de embasamento aos diferentes processos e ações do Projeto Escola Digital de Nova Lima, desde a concepção, implantação e implementação dos diferentes segmentos e dimensões do Projeto.

O projeto está baseado na utilização de laptops educacionais do tipo classmate PC que estejam preparados para o uso de softwares voltados para a aprendizagem. Serão distribuídos 3.200 classmate PC para alunos do Ensino Fundamental de 16 escolas públicas municipais. Para garantir o sucesso da implantação do projeto, serão capacitados 850 professores que receberão, todos eles, um notebook contendo o software educacional do projeto.

 

nova-lima-set-2013-08

 

O projeto vai modernizar os ambientes escolares de Nova Lima a partir da implementação de ferramentas tecnológicas e materiais inovadores de apoio pedagógico, criar espaços atrativos que possibilitem a dinamização da abordagem dos conteúdos de modo a estimular e ampliar o interesse do aluno pelo aprendizado, buscar a construção de uma nova cultura de aprendizagem, entre outros benefícios.

Com o projeto Escola Digital, Nova Lima investe no futuro da educação do município e no futuro de uma nova geração de estudantes.

 Metasys no projeto

A empresa vencedora da licitação de fornecimento da solução educacional, a mineira Metasys Tecnologia, forneceu todo o software para o Projeto Escola Digital, para os diversos equipamentos utilizados: os classmate PC dos alunos, os notebooks dos professores, os servidores das escolas, além do software de integração com lousas digitais.

pm-nova-lima-tablet-pc-01Para os classmate PC, foi disponibilizado o sistema operacional Metasys Netbook, baseado em Linux com a avançada interface MeeGO, contendo dezenas de aplicativos educacionais e acessos a recursos do servidor da escola. Ainda nos tablets, estão disponíveis o sistema de gestão de sala de aula, v-Class, o software de gestão de acessos, o PolicyControl, além de acesso à biblioteca de objetos pedagógicos.

A Metasys também forneceu o sistema operacional dos notebooks dos professores, o Metasys Desktop e o sistema servidor das escolas Metasys School Server. O servidor da escola possui uma série de sistemas de controle e gestão do ambiente escolar, incluindo um gateway de acesso à Internet e sistema de definição de políticas de acesso, PolicyControl Gateway.

O servidor da escola ainda desempenha o papel de controle dos classmate PC, executando um programa antifurto (Intel® Education Theft Deterrent). Cada laptop possui um código único, que é continuamente verificado junto ao servidor da escola. No caso de um dos laptops ser retirado da escola, a validação não pode ser executada e o software do laptop realiza o travamento do hardware, que para de funcionar imediatamente.

O servidor da escola possui ainda recursos de atualização de todo o ambiente tecnológico das escolas incluindo os classmate PC dos alunos e notebooks dos professores, através do Metasys Update. Disponibiliza ainda uma biblioteca conteúdo digital com mais de 16 mil objetos pedagógicos de diversas fontes, incluindo aulas em vídeos, imagens, textos, livros digitais e experimentos, utilizando o software Metasys Content Manager.

Além disso, a Metasys capacitou mais de 850 professores da rede municipal no uso da plataforma educacional e, também, treinou técnicos da Secretaria de Educação. Parte do escopo dos serviços contratados inclui o monitoramento de todas as escolas através de uma Central de Monitoramento e o suporte técnico local para todas as escolas integrantes do projeto.

“Quando você insere tecnologia educacional em uma sala de aula, você está mudando o foco do trabalho do professor, que passa a ser muito mais um mediador de situações, porque os conteúdos estão bem à vista, com a Internet, biblioteca de objetos pedagógicos e softwares. Então, cabe a cada professor selecionar o que vai trabalhar e ver o que é interessante ou não para o aluno. A grande vantagem é que o aluno vai ficar muito mais motivado a estudar do que na escola tradicional. O processo de aprendizado melhora muito através da tecnologia!” 

Adriano Alisson Vaz, Secretário de Educação de Nova Lima, Minas Gerais

Veja o vídeo do projeto



Deixe uma resposta