Projeto UCA Piraí

Desafios

Piraí, no Rio de Janeiro, é uma pequena cidade com uma população de cerca de 24.000 habitantes. A cidade é pioneira na implantação do Projeto UCA (Um Computador por Aluno), integrante do Projeto Piraí Digital que visa oferecer acesso digital a todos os cidadãos. Integrando tecnologia em suas escolas, Piraí transformou-se em uma cidade de aprendizagem, em que a educação digital desempenha um papel fundamental na educação de cada aluno.

A ideia de dar um notebook para cada aluno da cidade de Piraí derivou do sucesso de um projeto-piloto patrocinado pelo governo federal, dentro do programa Um Computador por Aluno. A cidade foi escolhida pelo governo federal – ao lado de Brasília, São Paulo, Palmas e Porto Alegre – para os cinco pilotos do UCA. Assim, em setembro de 2007, a cidade recebeu a doação de 400 classmate PC, o notebook desenvolvido pela Intel especificamente para uso em sala de aula.

Metasys no Projeto UCA

A Metasys foi um dos parceiros escolhidos pela Intel e pelo Ministério da Educação para a implementação do projeto-piloto, fornecendo o sistema operacional Metasys Netbook, baseado em Linux, conjunto de ferramentas de produtividade e aplicativos educacionais, além da prestação de serviços de implantação, suporte técnico, capacitação de técnicos e dos professores.

Integrante do escopo do projeto foi a criação de uma Central de Monitoramento do Projeto UCA Piraí. Através desta central, os gestores passam a ter acesso a informações, indicadores, gráficos e relatórios que apoiam na gestão, planejamento e administração dos recursos. São informações e estatísticas que retratam a disponibilidade e desempenho do hardware, do software e das redes de comunicação; inventário de hardware e software; usuários e utilização de aplicativos e acessos a Internet.

Através de contrato de prestação de serviços mantido com a Prefeitura de Piraí, a Metasys foi responsável pela garantia de atualização tecnológica de todo o conjunto de software, monitoramento de toda a rede escolar municipal, suporte técnico remoto e operação local assistida por meio de técnicos residentes.

Tecnologia adotada

Criada especialmente para estudantes, o sistema operacional Metasys Netbook foi desenvolvido para utilização nos netbooks educacionais da Intel, os classmate PCs com uma interface extremamente amigável e excelente desempenho. Todos os 6.300 classmate PCs utilizados no projeto passaram a utilizar o novo sistema. Os servidores das 21 escolas da rede municipal foram atualizados com a nova versão do Metasys School Server. Além disso, foram ativados os mecanismos de proteção antifurto com o produto Theft Control e implementado o PolicyControl para garantir a segurança e possibilitar o gerenciamento do acesso a websites e aplicativos. Os aplicativos educacionais utilizados, todos eles baseados em software livre, compõem o produto EduSyst.

Piraí foi pioneira na utilização do sistema de gestão de sala de aula, v-Class, um software de colaboração que integra professores e estudantes em um sistema de aprendizado. Através dele, o professor pode comandar os computadores dos estudantes conectados à sua aula, definindo a forma como os alunos irão desenvolver suas atividades. Com o v-Class o professor pode ainda exibir sua tela nos computadores dos estudantes, monitorar a tela de um estudante e retransmiti-la para os outros na classe, abrir e fechar aplicativos, executar comandos remotamente, controlar a utilização da Internet, criar grupos de conversação (chat), aplicar provas e testes em sala de aula, controlar o acesso dos estudantes às aulas e, ainda, bloquear o acesso à Internet ou os computadores dos alunos.

Outro produto utilizado nas escolas de Piraí é o Metasys Content Manager, um sistema que permite a gestão de conteúdos educacionais armazenados localmente no servidor da escola. Com interface amigável e intuitiva, possibilita a busca eficiente de diversos conteúdos através de categorias, tags, idiomas, conteúdos relacionados, mais visitados, destaques, dentre outros. Possui mais de 16 mil objetos pedagógicos de fontes como o Portal do Professor do MEC, o Banco Internacional de Objetos Pedagógicos, a biblioteca digital Domínio Público e aulas da Khan Academy em português, inglês e espanhol.

Resultados

Na época em que o piloto foi iniciado, o Índice Nacional de Desenvolvimento do Ensino Básico (IDEB) da escola selecionada em Piraí chegara a 2,4. Dois anos depois, subiu para 4,2 – bem acima da meta de 2,7, projetada para 2009, e no mesmo patamar do índice estimado para 2015. Em 2008, a escola também alcançou um dos menores índices de evasão escolar (0,06%) e uma taxa de aprovação de 89,9%. Além disso, o Centro Integrado de Educação Pública (CIEP) Professora Rosa da Conceição Guedes, no bairro rural de Arrozal, a 15 quilômetros do centro de Piraí, já formou um grupo de 30 alunos-instrutores, que estão levando o projeto para as outras 20 escolas da rede municipal.

O tempo de duração das aulas nas escolas municipais aumentou de uma para no mínimo duas horas. O projeto de aprendizagem passou a ter caráter interdisciplinar. Todos os 500 docentes passaram a protagonizar a construção de um processo de ensino-aprendizagem, enfrentando desafios para os quais ainda não existem fórmulas prontas. As soluções passaram a ser encontradas por eles próprios, de forma colaborativa.

A conquista do Projeto UCA Piraí não foi medida apenas pelos resultados quantitativos alcançados, como o aumento do IDEB, a redução da evasão escolar e o aumento do índice de aprovação dos alunos, mas pela avaliação qualitativa e pela apropriação da inovação na forma de pensar o conhecimento na comunidade escolar. As tecnologias da informação e da comunicação exerceram um papel importante na melhoria do processo de ensino-aprendizagem, não só como ferramenta que ajuda a repensar o papel das escolas, mas como uma nova linguagem.

“Os índices do IDEB foram atingidos graças ao trabalho de sensibilização realizado com docentes, alunos, gestores e a própria família. Repensamos o projeto político-pedagógico, revisamos o plano curricular e desenvolvemos um planejamento estratégico em parceria com os responsáveis pelo programa – alunos envolvidos em seus processos de construção do conhecimento, alunos-tutores e docentes submetidos a constantes treinamentos.” 

Maria Helena Cautiero Horta Jardim, Coordenadora Pedagógica do Projeto UCA Piraí

escola

21 escolas

professor

500 professores

alunos

8.000 alunos

classmate

6.200 classmates

Veja o vídeo do projeto

Projeto UCA Piraí cover

Mais informações sobre o projeto

O que podemos fazer para ajudar você?

Entre em contato com a Metasys para sugestões, solicitação de apresentação de produtos ou de proposta comercial.